Publicado por: Pedro Tavares | 10/06/2014

Isaías 65 e Apocalipse 21

Na aula da Mocidade, no último domingo, 08 de julho, seguindo um estudo proposto por Hilda Tavares, realizado na Sala Clóvis Tavares, fizemos o estudo dos textos de Isaías 65 e Apocalipse 21.

Em seguida, os alunos anotaram os pontos de semelhanças encontrados entre os dois textos.

Seguem os textos e o estudo dos alunos da turma da Mocidade, com a participação especial da turma dos alunos de 11 e 12 anos que nos fizeram companhia neste domingo.

Isaías 65

17 Porque, eis que eu crio novos céus e nova terra; e não haverá mais lembrança das coisas passadas, nem mais se recordarão.
18 Mas vós folgareis e exultareis perpetuamente no que eu crio; porque eis que crio para Jerusalém uma alegria, e para o seu povo gozo.
19 E exultarei em Jerusalém, e me alegrarei no meu povo; e nunca mais se ouvirá nela voz de choro nem voz de clamor.
20 Não haverá mais nela criança de poucos dias, nem velho que não cumpra os seus dias; porque o menino morrerá de cem anos; porém o pecador de cem anos será amaldiçoado.
21 E edificarão casas, e as habitarão; e plantarão vinhas, e comerão o seu fruto.
22 Não edificarão para que outros habitem; não plantarão para que outros comam; porque os dias do meu povo serão como os dias da árvore, e os meus eleitos gozarão das obras das suas mãos.
23 Não trabalharão debalde, nem terão filhos para a perturbação; porque são a posteridade bendita do Senhor, e os seus descendentes estarão com eles.
24 E será que antes que clamem eu responderei; estando eles ainda falando, eu os ouvirei.
25 O lobo e o cordeiro se apascentarão juntos, e o leão comerá palha como o boi; e pó será a comida da serpente. Não farão mal nem dano algum em todo o meu santo monte, diz o Senhor.

Apocalipse 21

1 E vi um novo céu, e uma nova terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram, e o mar já não existe.
2 E eu, João, vi a santa cidade, a nova Jerusalém, que de Deus descia do céu, adereçada como uma esposa ataviada para o seu marido.
3 E ouvi uma grande voz do céu, que dizia: Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e o mesmo Deus estará com eles, e será o seu Deus.
4 E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas.
5 E o que estava assentado sobre o trono disse: Eis que faço novas todas as coisas. E disse-me: Escreve; porque estas palavras são verdadeiras e fiéis.
6 E disse-me mais: Está cumprido. Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim. A quem quer que tiver sede, de graça lhe darei da fonte da água da vida.
7 Quem vencer, herdará todas as coisas; e eu serei seu Deus, e ele será meu filho.
8 Mas, quanto aos tímidos, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos que se prostituem, e aos feiticeiros, e aos idólatras e a todos os mentirosos, a sua parte será no lago que arde com fogo e enxofre; o que é a segunda morte.

Comparações entre os dois textos, propostas pelos alunos:

1 – Em Isaías, é a voz de Deus dizendo: “Crio novos céus e nova Terra”; João, em Apocalipse, diz: “Vi novo céu e nova Terra”. Podemos compreender que Isaías, profeta, repetia as palavras de Deus criador; João, em desdobramento, foi transportado a um tempo futuro para vislumbrar o que há de vir.

2 – Em Isaías, fala-se em um mundo de alegria. João cita um novo mundo aonde não exista sofrimento.

3 – Em Isaías, Deus diz: “Crio para Jerusalém nova alegria”; João vê a Nova Jerusalém que desce do céu.

4 – Em Isaías, Deus diz: “Me alegrarei no meu povo”. João diz: “Eles serão o Seu povo e Deus estará com eles.”

5 – Em Isaías, lemos: “Seus descendentes estarão com eles.” Em João, “Quem vencer herdará todas as coisas”.

6 – Em Isaías, lemos: “Não mais se ouvirá voz de choro ou clamor.” Em João, “Deus limpará de seus olhos toda a lágrima” e “Não haverá pranto nem clamor”.

7 – Em Isaías, Deus diz: “Antes que clamem eu responderei.” Em João, “Ele será meu filho” e “lhe darei da fonte da água da vida”.

8 – No final do texto de Isaías, existe a promessa de um mundo novo, um mundo onde não exista mais o sofrimento ou a morte. Em João, temos as advertências para que possamos permanecer no mundo que está por vir.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: